Publicados na categoria Lindo poema de Commings

Eu carrego o seu coração comigo E.E. Commings

quarta-feira, janeiro 20th, 2016

Eu carrego o seu coração comigo.

Eu o carrego no meu coração.

Eu nunca estou sem ele

Aonde quer que eu vá, você vai, minha querida.

E o que quer que eu faça sozinho, foi você, minha querida.

Eu não temo o destino.

Porque você é o meu destino, minha doçura.

Eu não quero o mundo, por mais belo que seja.

Porque você é o meu mundo, minha verdade.

Esse é o maior dos segredos que ninguém sabe.

Você é a raiz da raiz, é o botão do botão.

E o céu do céu de uma árvore chamada Vida.

Que cresce mais alto do que a alma pode esperar

Ou a mente esconder.
 Este é o milagre que distância as estrelas.

Eu carrego o seu coração.

Carrego no meu coração.

 

 

I carry your heart with me (I carry it in)

I carry your heart with me

(I carry it in my heart) I’m never without it

anywhere I go you go, my dear; and whatever is done

by only me is your doing, my darling

I fear no fate (for you are my fate, my sweet

I want no world for beautiful they are, you are my world, my true

Here is the deepest secret nobody knows

(here is the root of the root and the bud of the bud

and the sky of the sky of a tree called Life; which grows

higher than soul can hope or mind can hide

and this is the wonder that’s keeping the stars apart

I carry your heart

(I carry it in my heart)

Je porte ton coeur avec moi

Je le porte dans mon coeur

Je ne le quitte jamais

Partout où je vais, tu vas, ma chère ;

Et tout ce qui je fais moi même,

C’es’t  toi qui la fait, ma chérie

Je ne crains nul destin

Car tu es mon destin, ma douce

Je ne veux pas d’autre monde

Car  tu es mon monde, ma verité

Là, profondément enfoui

Est le secret que personne ne connaît

La racine de la racine, le bourgeon du bourgeon

Et le ciel du ciel d’un arbre appelé vie;

Qui croît plus haut

Que l’âme peut espérer

Ou l’esprit cacher

C’est la merveille qui tient les étoiles distantes

Je porte ton coeur

Je le porte dans mon coeur